quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Historia do Povo Cigano: Origem Egipcia


Continuando o artigo de Origem Somália


Quando os ciganos chegaram ao Egipto começava por essa altura o Império Antigo e os Rom mantinham a sua liberdade a toda a costa. Não se submetiam às duras leis impostas pelos faraós e preferiam viver livres pelas amplas planícies viajando de um lugar a outro sempre ocupados com os seus rebanhos; contudo também se dedicavam ao comércio de telas e cerâmica, realizando transacções por meio do comércio do cavalo.
Tinham assim grande habilidade para tratar de assuntos de compra e venda, especialmente ao referente a cavalaria e outros tipos de gado.
A sua destreza e habilidade nos negócios se fizeram-se proverbiais e graças a ela puderam subsistir com independência.

O povo "rum", continuou os seus costumes ancestrais do tipo de ritual mágico, mas no solo egípcio desenvolveu muito a capacidade de executar a adivinhação que era acompanhado de perto pelo povo do Egipto. Ali os ciganos (então chamados de rum ou ROM) tornaram-se famosos adivinhos exercendo perante as cortes e os palácios imperiais chegando alguns deles a ocupar altos cargos na realeza egípcia (daí a lenda recitar alguns ciganos hoje que sangue dos reis na palma das suas mãos).

Porem por volta de 2500 a.C. acometeu-se  a febre da construção das pirâmides (exactamente desde o Faraó Djoser até Micerinos, passando por Snefru, Kéops e Kefrén) e chegou o momento em que , para poder construir aquelas colossais pirâmides, necessitavam de milhares de escravos e os ciganos começaram a ser perseguidos por um esforço de os escravizarem. Tiveram então de estar muito atentos para poder manter a sua liberdade. Foi em 1446 a.C. quando os Egípcios deixaram escapar os Israelitas do país (êxodo da bíblia) que os chefes dos ciganos decidiram segui-los.
Fortaleceram assim uma convivência com o Povo Judeu durante o êxodo. Foiu desta convivência que resultaram os traços tão antigos e comuns aos dois povos, o que leva a crer que o povo ciganos se diferenciou do povo Hebreu.
 
Traduzido de vorem.com .



2 comentários:

Withe Wolf disse...

Fico Feliz por saber que ainda existem pessoas que buscam informações sobre essa cultura maravilhosa e cheia de mistérios com uma pitada de sedução.

Parabéns pelo espaço!

Alexander C. Dias

Gitelles disse...

Amigo White Wolf,

Obrigado pelo seu comentário e por ter passado ;)

Na verdade existe uma ciencia que procura informações sobre a cultura cigana, sua historia, e tradições - ciganologia (não tenho certeza de que é esta a tradução).

Obrigado pelo interesse .